sábado, 3 de outubro de 2009

Chico Bento, em... Meu dentinho mole!

* Ledora: Kacia Lantyer

- - -

Notas sobre esta história:

Chico Bento foi criado por Maurício de Souza em 1961, inspirado no tio-avô deste e teve sua primeira revistinha em agosto de 1982.
Na turma do Chico Bento temos Rosinha, sua namorada, Zé Lelé, seu primo, Hiro, Zé da Roça, Dona Marocas, a professora, Nhô Lau e padre
Lino, entre outros.

- - -

Chico Bento, em... Meu dentinho mole!


Q1. Vê-se Chico Bento com uma goiaba mordida na mão, sentado sobre a cerca. Zé Lelé vem passando, segurando o queixo e o saúda.

Zé Lelé (Cabisbaixo) - Oi, Chico!

Chico (Sorridente) - Oi, Zé lelé! Qué um teco di goiaba?

Zé Lelé - Não, brihgado!

Q2. Chico desce da cerca, aproxima-se de Zé Lelé com a mão estendida, oferecendo a goiaba.

Chico (Espantado) - Mas ocê adora goiaba!

Zé Lelé (Irritado) - Num tô cum vontadi, ara!

Chico - Ocê tá duenti!

Zé Lelé - Só qui eu num quero sabê di goiaba!

Chico - Ó, Zé! Eu sô seu primo! Podi confiá ni mim! O qui ocê tem?

Zé Lelé (Abrindo a boca) - Óia o meu dente!

Chico - O qui tem dimais? Eu tamém tenho dente!

Zé Lelé - Acontece qui o meu tá mole!

Chico - Ah, isso é normá!

Zé Lelé - Isso eu sei!

Chico - Fala ca sua mãe...

Zé Lelé - Pra ela mi levá no dotô dentista da cidade?

Chico - É! Ele arranca num minuto!

Zé Lelé (Abrindo os braços) - Sabe o qui o Zé da Roça falô! Qui o dotô aprica uma injeção deste tamanho pra mode de arrancá o dente! Aí eu morro di medo!

Chico - Qué qui eu arranque ele procê?

Zé Lelé (Irritado) - Piorô! Nunca qui eu decho! Decha o meu dente! Num tá incomodano ocê!

Q3. Chico Bento vai em direção à cerca. Ao fundo está Zé Lelé ao lado de uma árvore.

Chico - Tá bão! Tá bão! Num tá aqui quem falô!

Q4. Chico Bento está subindo numa goiabeira. Ao fundo vê-se a cerca e após esta, Zé Lelé.

Chico - Eu vô é cumê goiaba!

Q5. Chico Bento está sobre a goiabeira e Zé Lelé se aproxima.

Zé Lelé - Isso num vale! Ocê tá mi porvocando!

Chico - Se ocê num podi, azá o seu!

Zé Lelé (Zangado) - Se ocê num decê daí eu chamo Nhô Lau!

Chico - Ocê num é lôco di fazê isso!

Zé Lelé - Num sô? Intão duvida?

Chico - Du vi d-o-dó!

Zé Lelé (Gritando) - Nhô Lau! Nhô Lau! Nhô Lau!

Q6. Chico Bento e Zé Lelé estão no chão, ao lado da árvore. Ao fundo vê-se Nhô Lau aproximando-se com a espingarda na mão.

Nhô Lau (Gritando) - Arguém chamô?

Chico - Ara, seuZé Lelé bobo!

Q7 Nhô Lau, com cara de zangado, aponta a espingarda na direção dos meninos que saem em desabalada carreira. Ouve-se o tiro da espingarda de sal de Nhô Lau.

* BAM

q8. Chico Bento atropela, sem querer, a Zé Lelé e ambos caem.

* POF TUM SOC CRÁS

Q9. Chico Bento e Zé Lelé estão sentados no chão. Zé Lelé segura seu dente e o mostra ao Chico.

Zé Lelé - Óia o qui ocê feiz, seu... Buááá buááá!

Chico - Discurpa, Zé Lelé!

Zé Lelé - Ingraçado... num tá dueno!

Chico - Qui bão!

Zé Lelé - Vamo robá goiaba!

Q10. Vê-se apenas as cabeças do Chico Bento e do Zé Lelé entre a folhagem da goiabeira.

Chico - * NHOC NHOC NHOC!

Zé Lelé - * NHAC NHAC NHAC!

Chico - Ops!

Zé Lelé - O qui foi, Chico?

Chico - Meu dente ficô mole!

Q11. Vê-se Zé Lelé no chão ao lado da árvore e Chico Bento correndo.
Ao longe vê-se uma casinha.

Zé Lelé - Vorta aqui, seu covardi!


FIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário